Follow by Email

segunda-feira, 3 de março de 2014

Que Bruxaria é essa?



Várias perguntas me cercam:
Que Bruxaria eu sigo? Ou se sou da Bruxaria Tradicional? Ou ainda se sou Wiccaniana?  

Resposta: Sou simplesmente Bruxa e me considero uma mulher contemporânea. 

Sendo assim minha Tradição é baseada no Conhecimento das Tradições Antigas e no resgate da Antiga Fé. Ainda considero impossível o resgate completo das Antigas Práticas Pagãs, mas o resgate da Antiga Fé tornou-se urgente.

A Tradição Imortais da Terra baseia seu Sistema Mágico na Magia do Pentagrama e nossas práticas nas Tradições Antigas de nosso povo. É com imensa alegria que vemos as Manifestações Sagradas retornarem ao Mundo Físico, mas isso só é possível com trabalho e dedicação. Muito estudo e treino. E principalmente uma Fé inabalável no coração.

Somos Dominadores dos Quatro Elementos e despertamos a Grande Mãe Serpente de Fogo em nossos Caldeirões...

Mas, despertar os elementos é uma tarefa interior. Os Dominadores despertam seu elemento interno e com ele são capazes de Interagir com o meio natural ao seu redor. Sendo assim abre-se uma porta para que Gaia nos reconheça como parte viva diante da evolução e não mais como uma espécie apenas parasita de sua Grande Obra. Dominadores de Elementos são seres humanos que se responsabilizam pelo futuro, tendo acesso a parte viva de nosso Planeta e diante deste Sagrado construindo um futuro melhor para nós mesmos, buscando o equilíbrio com o todo. Em tempos já esquecidos todo Ritual tinha manifestações dos quatro elementos, manifestações plasmáticas na água e na terra e foi este o motivo para que nossos Ancestrais levassem durante tempos dificeis nossos Ritos para a floresta escura. Hoje porém, sem Dominadores de Elementos, sem manifestações plasmáticas... Firmamos nossos passos muito mais em que caminho seguir até o primeiro encontro! Aquele que nos levará para dentro de nós mesmos!

Já a Grande Mãe Serpente de Fogo, se ergue do Centro incandescente de Gaia, cada vez que conseguimos entrar em sintonia com sua força Sagrada. É a Serpente de cura à humanidade. Serpente Sagrada que outrora era comum em todos os Templos que eram guiados pelos Deuses Antigos. É Lilith resgatando a psique humana para nova consciência Uraniana.

Bruxaria não é uma religião. Religiões buscam religar - religare - o homem ao Sagrado. Nós bruxos somos parte, uma forma - a ligação! não buscamos religar... Buscamos experenciar as ligações naturais de nossa jornada. Não sou contra religiões para Bruxos... ao contrário acredito que para todo passo dado o caminho até o Sagrado se torna infinitamente menor. Mas dentro da Tradição Imortais da Terra, buscamos um lugar no mundo para quem nasce ciente que nada, nenhuma religião pode mais guiar uma conexão humana com oito mil anos de existência.

Wakanda Layuth Mahtab